Do querer ao ter há muita conta a fazer

8,50

Maria da Conceição Vicente (escreveu)
Catarina Pinto (ilustrou)

Ano: 2015
Formato: 15,0 cm x 21,0 cm
Capa mole com badanas
Nº de páginas: 48

Descrição

“– Ó avô, pensava que já tinhas o sofá! – exclamei, mal pus o pé na entrada da sala. – Boa tarde para ti também – respondeu o avô Ber¬nardo, reprovando a minha entrada intempestiva, sem o cumprimento que manda a boa educação. – Desculpa, avô – respondi, envergonhado –, mas eu vinha morto por saber se já tinhas sofá para vermos o jogo da Seleção, juntinhos e em pijama, logo à noite. – Por enquanto, eu só semeio ervilhas, João Miguel. – Não percebi, avô – o meu olhar denunciou a minha incompreensão.” Com o avô Miguel e a avó Beatriz, o João Miguel aprendeu que Do querer ao ter há muita conta a fazer, porque o dinheiro não “nasce na horta”. Lendo este livro, ficarás a conhecer não só o plano traçado pelo avô Bernardo e pela avó Beatriz, para satisfazerem um desejo do neto, mas também como o João Miguel aprendeu a planificar as suas próprias compras sem pedir dinheiro extra aos pais.

Recomendado pelo Plano Nacional de Leitura

PRÉMIO LITERÁRIO TABULA RASA 1.º Festival Literário de Fátima

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Do querer ao ter há muita conta a fazer”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *